LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

Aprenda a criar sua base de contatos para o envio de e-mail marketing

Como capturar contatos qualificados para o seu negócio

 “Por apenas 150 reais, tenha acesso a uma lista com mais de 30 mil e-mails atualizados!” Tentador? Pode até ser à primeira vista, mas comprar uma base de contatos é um verdadeiro tiro no pé para o marketing digital de uma empresa.

Isso porque a empresa vai disparar mensagens para uma série de pessoas que nunca demonstraram interesse pelos produtos ou serviços dela. E que, pior, nunca autorizaram esse tipo de envio para aquela marca.

Na sequência, os destinatários, irritados com a chuva de e-mails sem consentimento e que não os interessa, vão marcar a mensagem como spam, manchando a reputação da empresa.

Outro erro comum que muitos empresários cometem é pensar que, ao adquirir uma ferramenta de e-mail marketing, eles estão comprando, também, uma lista de e-mails. Mero engano. Essa ferramenta será responsável pelo disparo das campanhas, mas a responsabilidade de trazer os contatos é do contratante.

Conheça a ferramenta de E-mail Marketing UOL HOST

Afinal, ninguém melhor para captar contatos qualificados, pessoas realmente interessadas no que você tem a dizer e a divulgar, do que a própria empresa. Com uma base sólida e limpa, as ações de e-mail marketing vão ter muito mais retorno.

Trabalhando desse jeito, é possível alcançar ótimos resultados em termos de conversão. De acordo com a Pesquisa Performance nos Canais Digitais, da Serasa Experian e McKinsey & Company, a taxa de conversão do e-mail marketing chega a ser, em média de 2,53%. Trata-se do índice mais alto entre os canais digitais.

Além disso, a Prestige Marketing, companhia canadense de marketing digital, aponta que os consumidores que assinam newsletters gastam 83% mais do que os não assinantes.

Não deixe de conferir: Superguia Academia UOL HOST E-mail marketing: tudo o que você precisa saber para começar agora

Depois de desmitificar essas ideias, está na hora de saber, na prática, como criar a própria base de e-mails. Só assim é possível chegar a esses ótimos resultados:

Ações online

Mais do que fazer número, você precisa montar uma base qualificada de e-mails, ou seja, construir uma lista de contatos que estejam interessados e próximos de fazer negócios com sua empresa.

Se um usuário entrar em seu site e navegar por algum tempo nele, já se pode concluir que, pelo menos, ele tem interesse em algum produto ou serviço que sua empresa oferece. Aproveitando que ele já está lá, por que não perguntar se ele gostaria de receber novidades e até descontos da sua empresa por e-mail? Aí, basta disponibilizar um campo para o visitante preencher nome e e-mail.

Se o seu site está construído sobre a plataforma WordPress, existem inúmeros plugins que fazem esse trabalho por você. O Hello Bar, por exemplo, cria uma barra fixa no topo da página para os usuários cadastrarem seus e-mails gratuitamente.

Caso você queira que uma nova janela (pop-up) se abra, você pode baixar o plugin List BuilderWordPress Call to Action é outro exemplo de plugin. Enfim, há uma infinidade de ferramentas para você criar campos de coletas de e-mail.

E há vários pontos estratégicos do site nos quais você pode destacar os campos de captura. Sempre é bom deixá-los estáticos em lugares bem visíveis, como no topo da página e na barra lateral.

A mensagem deve estimular o visitante a deixar seus dados, mais ou menos assim: “cadastre-se aqui para receber novidades e descontos exclusivos”. Ou ainda abrir um pop-up dando 10% de desconto em compras para o usuário que inserir seu e-mail.

Outra maneira de incentivar o cadastro é criar um material superbacana e exclusivo sobre o mercado em que você atua. Veja, por exemplo, o da loja Empório do Lazer, que, entre outras coisas para o lar, vende churrasqueiras. Eles disponibilizam um e-book grátis sobre como fazer um bom churrasco. Isso desperta o interesse das pessoas, que, para baixar o material, precisam inserir o e-mail de contato.

Se você possui um blog da sua empresa, selecione os posts mais visualizados e, no meio deles, faça uma chamada convidando o leitor para cadastrar o e-mail dele para receber mais artigos como o que ele está lendo.

Enfim, há um oceano de alternativas para você incentivar os visitantes a preencher os campos com seu nome e e-mail.

Veja mais algumas ideias: 8 maneiras para aumentar sua base de e-mails cadastrados

Ações offline

A construção de uma base de e-mails também pode ser feita no mundo offline. Se a sua empresa participar de algum evento, como uma feira de negócios, por exemplo, procure incentivar os visitantes do seu estande a preencher fichas de cadastro com nome e e-mail. Mais do que isso é desperdício e faz com que as pessoas percam tempo.

Ainda, durante esses eventos, é bem provável que você receba inúmeros cartões de visita. Nessa situação, pergunte se você pode incluir os dados da pessoa em sua lista de e-mail com o objetivo de deixá-la informada sobre sua empresa. Não deixe que esse relacionamento termine no evento, faça com que ele se estenda para o mundo online.

Leia também: Aumente sua base de e-mails cadastrados sem trapacear

Por fim, você ainda pode fazer uma parceria com outras empresas. Então, se você dá curso de culinária, por que não criar uma promoção com algum restaurante? Por exemplo, os visitantes do seu site que cadastrarem os e-mails ganham desconto em algum prato do restaurante parceiro. Assim, o restaurante sai ganhando porque atinge novos clientes e você também, porque consegue novos cadastros, pois os interessados no desconto vão fornecer os dados.

O que fazer depois

Aos poucos, colocando em prática as dicas acima, você vai aumentando sua base de e-mails. No entanto, você deve respeitar a sua lista de contatos observando alguns pontos.

O primeiro está em deixar visível, em todas as mensagens que enviar, um link que permita ao usuário se descadastrar da sua base. Ao contrário do que você pode imaginar, permitir que as pessoas optem por não receber mais seus conteúdos é algo positivo. Isso porque é muito melhor que o usuário avise que não quer mais receber seus e-mails do que marcá-los como spam, não é verdade?

Mas, para que você não deixe de ser interessante para a sua lista, preocupe-se bastante com tipo de conteúdo e com a frequência com que você envia sua newsletter. Segundo levantamentos das empresas de marketing digital BlueHornet e Convince&Convert, 34,5% já cancelaram uma assinatura porque os e-mails eram enviados com muita frequência, enquanto 24,5% fizeram o mesmo porque consideravam as mensagens irrelevantes.

Diante desses números, faça testes e avaliações para saber quais são os períodos que o seu e-mail marketing tem mais retorno. Quanto às mensagens, procure mesclar bons conteúdos com algumas promoções de produtos. Assim, você não fica sendo o cara chato que só quer vender.

Dica bônus: Motivos para você não comprar uma lista de e-mails pronta

Como citamos no início do texto, adquirir mailling de terceiros é uma péssima ideia. Então, por mais que as ações acima demorem um pouco para engordar sua lista, tenha paciência e não parta para a compra. Veja alguns motivos para fugir dessa tática:

Envio não autorizado: nenhum endereço do mailing optou em receber seus informativos. Logo, se você utilizar essa lista para disparo será considerado um spammer e, pior, a imagem da sua empresa pode ficar totalmente comprometida.

Endereços errados: boa parte dos endereços de e-mail existente dessas listas são inválidos, pois foram obtidos através de técnicas ilícitas de rastreamento de páginas de internet.

Irrelevância: como esses contatos não foram mapeados e nem sabem quem é você, provavelmente, o seu conteúdo será totalmente irrelevante para eles.

É crime: a prática de compra de lista de e-mails é crime previsto no Código Penal, pois a legislação considera que as informações pessoais foram repassadas sem a autorização e o conhecimento deste contato.

Não deixe de conferir: Superguia Academia UOL HOST E-mail marketing: tudo o que você precisa saber para começar agora

Agora que você já sabe como criar uma base de e-mails, é preciso contar com uma ferramenta de disparos eficiente. Conheça os planos do E-mail Marketing do UOL HOST.